PORTAL
EDUCACIONAL

ACESSAR
CALENDÁRIO
2017

BAIXAR
5 maio

Docente do curso de Biomedicina teve seu artigo publicado em Revista Científica

A Faculdade que mais cresce na região

Cursos autorizados pelo MEC

A docente do curso de Biomedicina da FACEB/Unipac Bom Despacho, Melissa Grazielle Morais, teve seu artigo publicado na revista de Bioquímica e Biotecnologia (Biochemistry and Biotechnology Reports).

A Revista Científica Eletrônica é uma publicação semestral de divulgação científica e tecnológica vinculada ao Departamento de Bioquímica e Biotecnologia e ao Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia da Universidade Estadual de Londrina. Publica artigos científicos, artigos de revisão e comunicações científicas originais para acadêmicos, pesquisadores, empresários e outros profissionais, cuja atuação seja relacionada com as aplicações da bioquímica e biotecnologia nas áreas da saúde, agrárias e ambiental.

O artigo intitulado “Potencial alelopático dos frutos maduros de Solanum lycocarpum A. St. Hil. (Solanaceae)”, foi publicado na edição de 16/04/2014, volume 2, nº 4, páginas 37-41, 2013.
 
Segundo a Prof. Melissa Morais, a pesquisa caracteriza-se por uma significativa contribuição científica para a ciência, agricultura bem como para a preservação da biodiversidade brasileira. “Este trabalho é um incentivo à valorização e à utilização científica da flora brasileira uma vez que podem ser detectadas e isoladas diversas substâncias bioativas com atividade alelopática e farmacológica podendo proporcionar a preservação do meio ambiente e melhorar a qualidade de vida do ser humano. Os frutos maduros de Solanum lycocarpum apresentam em sua constituição fitoquímica substâncias bioativas que podem ser isoladas e utilizadas futuramente na síntese de herbicidas naturais e assim proporcionar a redução dos impactos ambientais provocados pelos herbicidas químicos ao meio ambiente e a saúde humana”.
 
A Prof. Melissa Morais explicou ainda que o trabalho caracteriza-se por uma significativa contribuição científica para a ciência, agricultura bem como para a preservação da biodiversidade brasileira, tornando-se um incentivo à valorização e a utilização científica da flora brasileira, uma vez que podem ser detectadas e isoladas diversas substâncias bioativas com atividade alelopática e farmacológica podendo proporcionar a preservação do meio ambiente e melhorar a qualidade de vida do ser humano.
 
Os frutos maduros de Solanum lycocarpum apresenta em sua constituição fitoquímica substâncias bioativas que podem ser isoladas e utilizadas futuramente na síntese de herbicidas naturais e assim proporcionar a redução dos impactos ambientais provocados pelos herbicidas químicos ao meio ambiente e a saúde humana.
 

Clique AQUI para ler artigo na íntegra.

NOTÍCIAS RELACIONADAS