PORTAL
EDUCACIONAL

ACESSAR
CALENDÁRIO
2017

BAIXAR
20 dezembro

FACEB/Unipac comemora primeiro semestre de implantação de metodologia de ensino

A Faculdade que mais cresce na região

Cursos autorizados pelo MEC

Professor faz balanço dos primeiros meses de uso da nova prática

A Faceb/Unipac Bom Despacho em fase final de verificação dos resultados do segundo semestre de aplicação da Sala de Aprendizagem Ativa e, antes mesmo da conclusão, os professores à frente do projeto já atestam a sua qualidade e diferenciais no processo de construção do aprendizado frente às práticas tradicionais. Segundo o professor de Filosofia e Ciência Sociais da faculdade, Agostinho Carlos Oliveira, a faculdade está convencida, pela força da teoria, que as metodologias de aprendizagem ativa são muito mais eficazes quando o que se visa é a apropriação compreensiva e crítica do conhecimento e não mera assimilação memorativa de conteúdos. “Verificar se na prática isto se confirma é um grande desafio, especialmente quando se sabe dos condicionamentos sócio-culturais e quando se conhece a complexidade da avaliação no contexto educacional”, observa.

Estão em fase de tabulação a comparação dos resultados dos participantes da Sala de Aprendizagem Ativa com o aproveitamento dos alunos que cursaram as mesmas disciplinas por meio da metodologia tradicional de aulas expositivas. A análise estatística será concluída em janeiro.

Agostinho conta que essa foi a fase piloto de implantação do projeto, por isso, abrangeu apenas as disciplinas de Humanidade, Direito Empresarial e Gestão de Pessoas da graduação, além de Leitura e Produção de Texto, Raciocínio Lógico e Pensamento Crítico, ministradas na modalidade de Ensino à Distância (EAD). “Diante do interesse dos professores, temos repassado as orientações necessárias para habilitá-los a utilizarem o ambiente com a tecnologia disponível e a metodologia do peer instruction que garante o caráter ativo da pedagogia”, anuncia.

O professor explica que é um entusiasta do processo não apenas em razão do perfil predominante dos alunos que trabalham e estudam, mas também por quebrar o paradigma de ensino da dinâmica tradicional que, segundo ele, “tornou o aluno passivo, adepto da lei do menor esforço, entendendo a aprendizagem muito mais como domínio de memorização de conteúdos do que o desenvolvimento da aprendizagem compreensiva e crítica pela formação de competências e habilidades”, afirma

Como a Sala de Aprendizagem Ativa chegou à faculdade e sua proposta

Há pouco mais de seis meses os diretores da Faceb/Unipac Bom Despacho trouxeram e adaptaram para a realidade da faculdade a Sala de Aprendizagem Ativa  —modelo inspirado em metodologia aplicada nos Estados Unidos pela Universidade de Harvard e pelo MIT – Massachusetts Institute of Techonology — e, há seis meses o projeto já faz parte do dia-a-dia dos alunos.

Nesse projeto, pioneiro no Brasil, o professor coloca a sua experiência e o seu conhecimento especializado a serviço da criação de situações de aprendizagem nas quais o aluno deverá construir em si, a partir de suas experiências, de suas concepções prévias, e da interação com seus pares e com o professor, o novo conhecimento. De tal forma que o aluno já não é mais um polo passivo do processo, mas protagoniza a aprendizagem significativa naquela interação na qual o professor será um facilitador do p

NOTÍCIAS RELACIONADAS